Combustíveis para Réchaud

Quando o assunto é ter um restaurante, um hotel ou até mesmo um empreendimento no ramo da alimentação, você sempre deve estar buscando economia e comodidade.

Existem as modalidades de réchaud que funcionam com energia elétrica, enquanto alguns funcionam com álcool em gel. O que mais importa no final das contas, é deixar o alimento sempre fresquinho e quente para que o cliente possa aproveitar ao máximo.

Quer saber mais sobre os combustíveis para réchaud? Então não deixe de ler as nossas dicas e ficar por dentro deste tema tão interessante. Você vai descobrir qual é o melhor tipo para usar em seu estabelecimento e a sua relação entre custo e benefício.


Boas compras!


  • Fogareiro com Alcool em Gel Cristal 200G - (0016) - SuperGel

    De: R$ 7,80

    Por: R$ 4,31

    4x de R$ 1,08 no cartão
    ou
    R$ 3,66
    no boleto à vista (15% de desc.)
  • Fogareiro Aço Inox para Rechauds (F-FP01)

    R$ 45,90
    6x de R$ 7,65 no cartão
    ou
    R$ 39,02
    no boleto à vista (15% de desc.)
  • Fogareiro / Espiriteira de Aço Inox 175 ml - Allissan Inox (600242)

    R$ 46,90
    6x de R$ 7,82 no cartão
    ou
    R$ 39,86
    no boleto à vista (15% de desc.)

    Esgotado

Conheça os Tipos de Combustível para Rechaud

O réchaud é um recipiente adequadamente feito para que os alimentos cozidos fossem armazenados em um restaurante. Eles podem ser feitos de diversos tipos de materiais.

Desta forma, a única coisa que muda na maioria dos casos é justamente os tipos de combustível para réchaud que é usado.

Por isso, nada melhor do que saber quais são os tipos de combustível para réchaud e qual deles é mais eficaz.

Vamos falar um pouco sobre combustível em lata com o uso de álcool e até mesmo os combustíveis com água quente. Leia e se torne um expert no assunto, sempre pronto para as melhores decisões.

Combustível em Lata: Álcool em Gel ou Outros Materiais

Conforme dito anteriormente, os tipos de combustível para réchaud são usados para que o alimento seja mantido aquecido. Desta forma, o réchaud funciona como uma espécie de panela colocada no banho maria para deixar aquele alimento mais gostoso.

Antigamente, um dos tipos de combustível para réchaud mais usados eram o álcool em gel. Ele funciona como um combustível duradouro e que fica aceso por um grande tempo.

Funciona assim: o alimento é colocado em um réchaud com água em baixo do alimento. Depois disso, pequenos acendedores, como se fossem espécies de trempes de fogão, são usados.

Dentro destes acendedores são colocadas grandes quantidades de álcool em gel específico. Depois de ter colocado o álcool, é hora de colocar o fogo e deixar as pequenas trempes posicionadas de forma estratégica em baixo do réchaud.

Com isso, o alimento se mantém quente e sempre em temperatura adequada para que o cliente possa ir se se servir.

Outra forma de usar combustível para réchaud é a colocação de pastilhas especiais de álcool para acender as espiriteiras.

Porém, nestes casos, a relação de custo e beneficio não é muito alta. Isso porque as pastilhas de álcool chegam a durar no máximo quinze minutos, o que daria muito trabalho para a troca constante em um restaurante que for muito movimentado.

Por isso, é sempre bom pensar no preço e em algo que seja prático para o dia a dia de trabalho de um restaurante.

Porém, na maioria dos casos, as melhores opções continuam sendo as modalidades elétricas e que recebem seu combustível diretamente da tomada.

Rechauds que utilizam Resistências Elétricas. Vale a pena?

Este tipo de modalidade de réchaud vale muito a pena. Isso porque eles funcionam simplesmente ao serem conectados à tomada.

Funciona assim: você coloca a água no interior do réchaud e a resistência que existe dentro do equipamento faz com que a água fique aquecida pela quantidade de tempo que for necessária.

Com isso, é mais fácil de manter os alimentos aquecidos por mais tempo, e o melhor: sem dor de cabeça.

A única preocupação de uma pessoa que usa os réchauds com uso de resistências é quantidade de água suficiente e adequada para o aquecimento do alimento.

Sem contar que é possível manter a quantidade de temperatura que você deseja. Ou seja: é possível que você varie de temperaturas mais altas para as mais baixas, dependendo do tipo de alimento que é colocado no local para ser consumido.

Existe no mercado grandes réchauds, para vários tipos de alimentos. Em sua estrutura para self-service, ele possui uma série de resistências para que a água que está em sua superfície possa ser aquecida e o alimento mantido na temperatura adequada.

Combustível a Vela: Indicada para Rechauds Descartáveis

Alguns combustíveis para réchaud são menos usados, como é o caso da vela, a qual é consideravelmente menos famosa do que os outros tipos acima citados. Nesse caso, tais combustíveis são mais indicados para os modelos que são descartáveis.

Funciona de forma simples e prática: o Rechaud é colocado sobre uma superfície de água, enquanto as velas são posicionadas embaixo do funcionamento do banho Maria. A vantagem deste tipo de modalidade é facilidade, visto que as velas possuem uma boa durabilidade.

Por outro lado, elas não possuem a capacidade de esquentar de forma intensa, a menos que mais velas forem colocadas posicionadas uma ao lado da outra.

Qual o Melhor Custo Benefício em Combustível de Rechaud para o seu Estabelecimento Comercial

Quando o assunto são os restaurantes e a dinâmica dos empreendimentos do ramo alimentar, o ideal é conseguir pensar sempre na praticidade.  Isso porque nem sempre é fácil ficar trocando o combustível do réchaud, principalmente se a demanda de pessoas for muito grande na hora de servir.

Com isso, o mais indicado é sempre pensar no que pode ser mais prático para você. Ainda que um réchaud elétrico possa ser um pouco mais caro do que os outros tipos, vale a pena fazer um investimento certeiro e que irá apenas facilitar a sua vida no dia a dia de trabalho.

Gostou de saber um pouco mais sobre tipos de combustível para réchaud? Você conhecer cada uma das modalidades e deve escolher a melhor delas para você.

Lembre-se sempre de tentar unir o útil ao agradável em seu dia a dia como empreendedor.